ADEPTOLIVA aprova Gestão e Contas Positivas de 2018 por unanimidade e com voto de louvor

Mesa da AGAdeptoliva

Na Assembleia Geral da ADEPTOLIVA, que contou com uma significativa participação dos seus promotores associados, o Presidente da Direção, Daniel Dinis Costa, prestou várias informações sobre o trabalho desenvolvido pela EPTOLIVA, com especial destaque para a apresentação do Relatório de Gestão e Contas de 2018, o qual foi aprovado por unanimidade e louvor.

De registar que à semelhança do ano anterior e consecutivamente desde que esta Direção tomou posse, a ADEPTOLIVA – Associação para o Desenvolvimento do Ensino Profissional nos Concelhos de Oliveira do Hospital, Tábua e Arganil, registou um excelente resultado líquido positivo, fruto de uma gestão rigorosa, equilibrada e transparente. Conforme destacou Daniel Costa, “hoje a ADEPTOLIVA é uma Associação com as contas equilibradas, com um nível de receitas que permite cobrir as despesas, e que permitiu ainda abater um passivo que se arrastou vários anos. Em 2018, a ADEPTOLIVA atingiu todos os objetivos propostos, alcançando a sustentabilidade financeira e pedagógica, com um resultado financeiro excelente, que se deve principalmente à continuidade da gestão eficiente e rigorosa dos recursos financeiros existentes na ADEPTOLIVA e na redução dos gastos com financiamento externo”.

Após ter sido dado nota do trabalho meritório da EPTOLIVA, que tem recebido o reconhecimento nacional e internacional de muitas entidades, em especial no que diz respeito à promoção da educação e empreendedorismo, Sérgio Cunha Velho, Presidente do Conselho de Administração da Fundação Sarah Beirão/António Costa Carvalho, apresentou a disponibilidade desta instituição atribuir um prémio anual de mérito pelo aproveitamento académico de exceção aos alunos da EPTOLIVA. A excelência e a qualidade da formação profissional expressa no Relatório de 2018, também mereceu o reconhecimento e o voto de louvor proposto por Bruno Miranda, Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Galizes, enquanto José Ferreira, gerente na empresa Sotragran, concluiu que a “EPTOLIVA tem sabido levar, honrosamente, o nome destes concelhos fora da região”. Daniel Costa reiterou o seu agradecimento a todos os alunos e professores que têm contribuído para o sucesso educativo, científico e tecnológico da EPTOLIVA. “É com base neste trabalho conjunto que a Direção da ADEPTOLIVA continuará a apostar num ensino profissional de excelência, que faz a EPTOLIVA uma marca de referência na região”. Um agradecimento especial foi também feito aos Promotores e naturalmente aos Municípios associados da ADEPTOLIVA, Oliveira do Hospital e Tábua, nas pessoas dos seus respetivos Presidentes, Prof. José Carlos Alexandrino e Sr. Mário Loureiro“.

Numa Assembleia cujos assuntos foram fortemente evidenciados no sucesso financeiro e pedagógico da EPTOLIVA, bem como na relevância que esta Escola tem tido nos territórios da sua abrangência, Ricardo Cruz, Vice-Presidente do Município de Tábua, enalteceu a abertura da EPTOLIVA à comunidade e os excelentes resultados atingidos que têm consolidado o seu equilíbrio e a continuidade de um caminho de sucesso. Também o Vereador da Câmara Municipal de Tábua, António Oliveira, fez questão de enaltecer o rigor e transparência do trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pela Direção da ADEPTOLIVA, consubstanciado no sucesso educativo que a Escola tem tido, nomeadamente no que diz respeito ao território do concelho de Tábua, onde também a EPTOLIVA tem vindo a marcar posição pela qualidade do seu ensino. Após elogiar o resultado histórico atingido financeiramente, Graça Silva, Vereadora da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, deixou o reconhecimento do Município “a esta escola, viva, dinâmica e virada para a comunidade”, agradecendo também a disponibilidade dos alunos e professores nas muitas e diversas atividades realizadas. O gáudio e a excelência do trabalho desenvolvido na comunidade e na região foi unanimemente distinguida no voto de louvor e reconhecimento “a Todos os que fazem da EPTOLIVA, uma Escola VIVA”, proposto pelo Vice-Presidente do Município de Oliveira do Hospital e Presidente desta Assembleia, Dr. José Francisco Rolo.

 

Acerca do Autor:

. Siga nas redes sociais Twitter / Facebook.