Agrupamento de Escolas reage à tragédia de outubro com “Festa da Primavera”

Festa da Primavera para FC

O Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital (AEOH) apresentou hoje a Festa da Primavera, que se surge como uma “reação positiva” aos incêndios de outubro. A iniciativa de âmbito, desportivo, cultural e ambiental vai decorrer nos dias 19, 20 e 21 de março.

Carlos Carvalheira, diretor do Agrupamento de Escolas considerou, esta manhã, em conferência de imprensa, que a escola “tem um papel fundamental na mudança de mentalidades e de atitudes”, defendendo a necessidade de adoção de comportamentos tendentes à preservação do ambiente “que tão desprezado tem sido nos últimos anos”.

Nesta grande iniciativa, o AEOH espera envolver todos os agentes educativos e de, modo particular, os cerca 2400 alunos que frequentam as várias escolas do concelho.

Entre ações de reflorestação, exposições, colóquios, provas desportivas, caminhadas, e outras iniciativas, a “Festa da Primavera” vai decorrer em três dias, e cada dia vai ficar marcado por cinco “grandes momentos”, permitindo a que se chegue ao “famigerado número 15”, como sublinhou Carlos Carvalheira, recordando que a tragédia ocorreu no passado dia 15 de outubro.

A Festa da Primavera integra ainda a já habitual Caminhada do Laço Azul, que é promovida pelo Município de Oliveira do Hospital, que vai contar com a participação de duas centenas de alunos do pré escolar. Artur Abreu, da direção do Agrupamento de Escolas destacou a “dupla faceta” da caminhada que sensibiliza para as questões do ambiente e dos maus tratos na infância.

 

Acerca do Autor:

. Siga nas redes sociais Twitter / Facebook.