Altice avança com projeto de fibra ótica em seis concelhos do Maciço Central da Serra da Estrela

CEO Altice PT

Primeira apresentação do projeto decorreu em Seia.

O presidente executivo da Altice, Alexandre Fonseca iniciou em Seia a apresentação do projeto de infraestruturação em fibra ótica, que vai abranger seis concelhos do Maciço Central da Serra da Estrela, nomeadamente Seia, Covilhã, Manteigas, Gouveia, Fundão e Oliveira do Hospital.

Presente na inauguração da Feira do Queijo de Seia, que decorreu no fim de semana de Carnaval, o responsável pela Altice destacou, em declarações à Centro TV, o “conceito de proximidade” como um dos vetores chave da empresa em Portugal. “A Altice Portugal é um operador nacional, assume-se como tal, e nestes concelhos procuramos agora, com esta infraestruturação, trazer as autoestradas da informação”, referiu. O responsável acredita que, assim, a empresa está a “contribuir também para o desenvolvimento das economias regionais, para a captação de investimento, para a fixação das populações e com isso ajudar no combate à desertificação”. “Este é também o nosso contributo de proximidade para o desenvolvimento da economia do país e este é um dos vetores chave da nossa estratégia para Portugal”, garantiu o presidente executivo da Altice Portugal.

Na ocasião, o Ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes aplaudiu o projeto, considerando que “este investimento é muito importante” para a região da Serra da Estrela.

Já o presidente da Câmara de Oliveira do Hospital, José Carlos Alexandrino, considerou que estes investimentos são fundamentais “porque pode trazer-nos uma nova visão de desenvolvimento do nosso próprio território e de todos estes concelhos”. “A Altice já tinha feito, em Oliveira do Hospital, uma primeira fase de infraestruturação na cidade e em todos os núcleos urbanos próximos à cidade, por isso, já estávamos um bocadinho à frente”, referiu José Carlos Alexandrino, reconhecendo ainda “esse esforço da Altice neste projeto, que tornará todos estes concelhos mais competitivos”.

Em comunicado, a Altice Portugal assegura que mantém o foco de “investir em infraestruturas de fibra ótica de última geração, assim como na modernização da Rede Móvel e na expansão do 4G e lançamento do 4G+, que chegará a 70% dos portugueses até este verão, de forma a garantir a qualidade do serviço e a evidente satisfação do cliente, ligando populações e empresas até agora privadas de acesso a tecnologia de última geração”.

 

Acerca do Autor:

. Siga nas redes sociais Twitter / Facebook.