Avô hasteou Bandeira Azul e S. Sebastião da Feira continua como Praia Acessível

Avo bandeira azul

A praia fluvial da ilha do Picoto, em Avô, hasteou, pela primeira vez este ano, a Bandeira Azul, enquanto S. Sebastião da Feira, renovou galardão Praia Acessível, mas com olhos postos na Bandeira Azul, na próxima época balnear.

Depois de Alvoco das Várzeas, também as praias fluviais de Avô e S. Sebastião da Feira, banhadas pelo rio Alva, puderam hastear, esta semana, os seus galardões para a época balnear que já começou. De visita ao Picoto para hastear pela primeira vez a bandeira Azul, o presidente da Câmara de Oliveira do Hospital garantiu que “não foi por falta de empenho da Câmara Municipal que a praia de Avô tem só agora a Bandeira Azul”, lembrando que “há um conjunto de itens que precisam de ser cumpridos”, e que aquela zona balnear não cumpria por causa de um problema com as análises da água.

“Isso não dependia de nós e foi isso que tentámos melhorar”, explicou o autarca, que deu ainda conta do investimento que foram obrigados a fazer naquela praia depois de mais um episódio de cheias ter danificado o local. “Ainda precisamos de encontrar uma solução mais duradoura”, referiu o edil, que se fez acompanhar do secretário de Estado do Ambiente, João Ataíde, que no mesmo dia  inaugurou a remodelação da ETAR de Oliveira do Hospital.

Considerando que “a atribuição de uma Bandeira Azul fluvial é muito mais difícil de alcançar do que uma Bandeira Azul marítima”, porque não é só a qualidade de água que está em causa, é também a envolvente, a história, a tradição e a beleza do local”, o governante fez um apelo ao envolvimento de todos neste “grande desafio de preservação do ambiente”.

Também o representante da Agência Portuguesa do Ambiente, Pedro Santos considerou a atribuição destas bandeiras à praia de Avô o reconhecimento “das excelentes condições que esta oferece aos banhistas”.

A trabalhar para a Bandeira Azul está também S. Sebastião da Feira que, para já, hasteou só a bandeira de Praia Acessível. Feliz com a renovação deste galardão, o presidente da União de Freguesias de Penalva de Alva e São Sebastião da Feira, Rui Coelho mostrou-se, todavia, empenhado em alcançar também a Bandeira Azul, lembrando que esse “é um trabalho que já está a ser feito pelos técnicos do Município”, para que na próxima época balnear isso seja uma realidade.

José Francisco Rolo, vereador do pelouro do Ambiente, fez questão de lembrar que “para chegar à Bandeira Azul é preciso ter vários anos com águas de qualidade excelente”, estando para já a ser feitas monitorizações pontuais, com vista à candidatura nos próximos anos.

 

Acerca do Autor:

. Siga nas redes sociais Twitter / Facebook.