Casa da Obra comemorou 68º aniversário com homenagem ao padre António Borges

Folha do Centro - Casa da Obra comemorou 68º aniversário com homenagem ao padre António Borges

A casa da obra D. Josefina  da Fonseca assinalou no passado fim de semana o seu 68º aniversário, num encontro que juntou crianças, famílias, diretores, colaboradores e vários amigos da instituição criada por uma senhora da alta sociedade oliveirense que, preocupada com a pobreza e miséria que grassavam à sua volta, decidiu lançar “mãos a obra” e criar um projeto  de “proteção a criança e formação doméstica”.

 

Reconhecida pelo trabalho que tem desenvolvido ao longo dos anos na áreado apoio a primeira infância, na última década esta IPSS conheceu, todavia, uma nova dinâmica que, não pondo em causa aquilo que são os valores e princípios cristãos, colocou o enfoque na melhoria dos serviços prestados as crianças, sendo disso exemplo as obras de remodelação da casa mãe, que se traduziu num investimento de cerca de um milhão de euros.

Uma obra impulsionada essencialmente pelo pároco António Borges que tendo feito parte do conselho de administração da instituição – cumprindo de resto os seus estatutos – soube inovar e aceitar a mudança, empenhando-se, ao lado da restante direção, no crescimento e alargamento dos serviços a comunidade. Um percurso de dedicação e disponibilidade a esta “casa” que foi reconhecido sábado a noite pelo atual conselho de administração que decidiu “reverenciar” o pároco de um modo particular, pois apesar deste ter saído da direção há meia dúzia de meses”, ficou “como amigo e colaborador”, lembrou a atual diretora, Clara Caçador. (leia mais na edição impressa)

 

 

Acerca do Autor:

. Siga nas redes sociais Twitter / Facebook.