Município chama a atenção para maus tratos infantis com “Night Run”

Folha do Centro - Comemorações do 25 de abril em Oliveira do Hospital

Iniciativa insere-se nas comemorações do 41º aniversário do 25 de abril que será celebrado com diversas iniciativas em Oliveira do Hospital

O Município de Oliveira do Hospital vai promover esta sexta-feira uma “Night Run” em percurso urbano, que tem como objectivo chamar a atenção da população para uma problemática que tem estado, mais do que nunca, na ordem do dia, que é a questão dos maus tratos a crianças. Inserida no âmbito das comemorações do 25 de abril, esta iniciativa tem inicio às 21 horas, no largo Ribeiro Amaral, de onde os participantes deverão partir para uma “corrida”, ou se preferirem, uma caminhada, de aproximadamente quatro quilómetros.

A prova, sem caráter competitivo, é de inscrição gratuita e aberta a todos os cidadãos que queiram participar. Nesta corrida noturna, em que os participantes podem efetuar o percurso a correr ou simplesmente a andar, a organização pretende – com o apoio da Cáritas Diocesana – associar-se à luta contra os maus tratos infantis, através da distribuição de um laço azul a todos os inscritos na prova, no âmbito da Campanha do “Laço Azul”. No final desta “Night Run”, a animação noturna continuará pela noite dentro com Revolution Sounds pela mão de vários DJ’s do concelho, no largo Ribeiro do Amaral. As comemorações do 41º aniversário da Revolução de abril de 1974 no concelho de Oliveira do Hospital não se ficam, todavia, por esta iniciativa, estando já agendadas diversas atividades que convidam toda a população a participar ativamente nas festividades. Animação de rua, concertos, exposições temáticas e atividades desportivas são algumas das iniciativas programadas pelo Município que têm como ponto alto, como já é habitual, a sessão solene a realizar no feriado. Além das intervenções das individualidades presentes, a cerimónia contempla ainda um momento de poesia, “Dar voz aos poetas de abril | 3 poemas, 3 gerações” que é trazido pelo Clube de Leitura em Voz Alta da Biblioteca Municipal. A sessão solene é precedida por uma arruada na cidade, que conta com a participação da Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Oliveira do Hospital, havendo ainda lugar ao hastear da Bandeira e interpretação do Hino Nacional pelo Coral Poliphónico do Alva e pelo Coro Infantil da Fundação Aurélio Amaro Diniz (FAAD), estando previsto outro momento musical pelo grupo Twenty Five Hours, constituído por jovens de Lagares da Beira.

Durante a tarde as propostas para celebrar a Revolução de abril são várias e acontecem em diversos pontos da cidade. No Jardim Dr. Oliveira Mano, o serviço educativo da Biblioteca Municipal e EPTOLIVA desafia os mais novos com “Vem fazer o teu cravo” entre outras atividades de artes plásticas a partir das 14h30. Mesmo ao lado, no Largo Ribeiro do Amaral, pelas 15H00 tem início o encontro de Filarmónicas do Concelho de Oliveira do Hospital, e a distribuição de cravos de papel, executados pelas IPSS concelhias, com mensagens de abril. Segue-se a inauguração da exposição coletiva de Artes Plásticas no multiusos do Mercado Municipal às 17H. De referir que no feriado, a noite será preenchida com o IV fesTA.coh – Festival de Tunas Académicas Cidade de Oliveira do Hospital (Largo Ribeiro do Amaral, 21H30), evento promovido pela Freguesia Oliveira Do Hospital e Estotuna D’Espital.

Ainda no âmbito destas comemorações, ao longo de todo o mês, estão patentes várias exposições temáticas pelos diferentes espaços municipais. Na Casa da Cultura pode ser visitada a exposição “Assembleia da República – breve história do parlamentarismo português”, inaugurada no dia 9 e que marcou o arranque destas comemorações, enquanto na Biblioteca/Ludoteca de Lagares da Beira pode ver “40 anos a festejar abril”, na Biblioteca Municipal de Oliveira do Hospital há “Cartazes de abril”, e no Museu Municipal Dr. António Simões Saraiva está a mostra “Amigos Sem Idade” da FAAD.

 

Acerca do Autor:

. Siga nas redes sociais Twitter / Facebook.