Feira do Queijo de Tábua espera por “uma grande manifestação popular”

Folha do Centro - Feira do Queijo de Tábua espera por “uma grande manifestação popular”

Presença da RTP e bom tempo anunciado para o fim de semana prometem ajudar “à festa”.

Tábua espera por “uma grande manifestação popular” este fim de semana, naquela é já a 26ª edição da Feira do Queijo, Pão, Enchidos e Mel realizada no concelho. Com mais de 120 expositores confirmados, o pavilhão multiusos da vila promete ser novamente palco de “uma grande festa”, provavelmente “a melhor de todas” garante o executivo camarário, até agora feita em Tábua, apostando essencialmente na presença da televisão e na projeção dos produtos de excelência do concelho.

Durante os dois dias do certame, e tendo em conta também a “primavera antecipada” anunciada para este fim de semana, a Câmara Municipal espera ter uma “grande moldura humana” a visitar Tábua e a desfrutar da sua gastronomia e dos seus produtos típicos, da natureza e do seu património. O queijo Serra da Estrela volta a ser o “ principal anfitrião” da festa que conta com a participação de 25 produtores de queijo oriundos não apenas de Tábua, mas de outros concelhos da região demarcada do queijo Serra da Estrela. Em destaque vão estar também outras iguarias típicas do concelho como o famoso pão tabuense, fabricado ainda de forma artesanal, os enchidos, o mel e ainda os conhecidos vinhos do Dão produzidos no concelho. Com um investimento na ordem dos 25 mil euros, a autarquia pretende renovar ou até mesmo superar o sucesso de edições anteriores, esperando pelo “reconhecimento público de todo o trabalho que tem estado a ser feito”, contando para tal com o contributo do programa da RTP “Aqui Portugal” que vai ser transmitido em direto a partir de Tábua, durante a tarde de sábado. “Este programa de televisão no sábado vai ser um arranque com muita força para no domingo termos o sucesso garantido”, considera o presidente Mário Loureiro que quer colocar o concelho no “centro” dos principais destinos turísticos da região, durante o fim de semana. “O ano passado a feira já foi um sucesso e este ano deverá ultrapassar as expectativas”, promete ainda o autarca tabuense, julgando que “as seis horas de televisão vão ser importantes para dar a conhecer ao país e ao mundo que Tábua está viva e cada vez maior”.

Qualidade é principal preocupação

Preocupada em elevar, de ano para ano, os padrões de qualidade do certame está a vereadora da cultura, Ana Paula Neves, que fala num programa de animação diversificado, capaz de fazer sair de casa mesmo dos “mais preguiçosos”. “Este ano deixámos o folclore e optámos pela presença das escolas de música e dança e vamos fazer duas arruadas, no sábado e domingo de manhã, que é uma forma de convidarmos as pessoas que estão em casa a visitarem a feira”, explicou a vereadora e vice-presidente do executivo tabuense, acreditando também que estão todas as condições reunidas para mais uma “grande festa de homenagem a todos quantos trabalham e produzem artesanalmente os nossos produtos”. Paula Neves lamenta apenas que, em 26 anos de certame, e apesar do bom queijo produzido no concelho, Tábua continue sem qualquer produtor certificado, o que “é um ponto fraco” que promete “tentar ultrapassar”, pois, garante, “hoje a Câmara já está noutras condições que não estava no passado para apoiar alguns projetos”.

Também o vereador Ricardo Cruz salienta a mudança de “paradigma” desta feira que nos últimos anos tem vindo a melhorar a sua imagem e a qualidade perante os visitantes, apresentando-se este ano com um “vastíssimo programa” que tem como objetivo envolver vários públicos neste certame.

Queijo, vinho e Pão em destaque

O grande anfitrião é o queijo, mas o vinho do Dão produzido pelas principais quintas situadas no concelho de Tábua vai estar em destaque na 26ª edição da Feira do Queijo, onde vai decorrer um curso de iniciação à prova de vinhos desta região demarcada. “A nossa preocupação é apresentar coisas com qualidade e conseguir fazer, de ano para ano, alguma coisa em que realmente as pessoas sintam que vale a pena vir cá”, explica a vereadora da cultura, Paula Neves e uma das principais responsáveis pelo programa de animação da festa do queijo que abre as portas este sábado no pavilhão multiusos da vila, para justificar a forte presença dos vinhos neste certame.

“Se quisermos ver isto como uma novidade, esta é de facto uma novidade da edição deste ano, porque me parece que esta cultura enóloga está cada vez mais na moda”, garante a autarca, que aos vinhos junta também a degustação de outros produtos locais de qualidade, com a realização nos dois dias de feira de dois “show cookings” pela chef Cristina Manso Preto. “São momentos importantes de promoção dos nossos produtos” diz, apontando para o queijo, mas também para os enchidos, para conhecido pão que é fabricado no concelho, para os enchidos tradicionais e para o mel.

Uma montra do melhor que o concelho produz não só em termos gastronómicos, mas também em termos de artesanato, trazido ao multiusos de Tábua, pelas várias freguesias do concelho. Cada uma tem lugar de destaque neste certame, que junta Feira do Queijo com a Mostra das Freguesias, numa simbiose em que se pretende levar mais longe o nome de Tábua. “Estamos conscientes que a televisão por si só é um chamariz, estes programas valem o que valem, mas chamam gente, chamam à atenção, e são sempre bons momentos de divulgação do nosso património, das nossas paisagens, da nossa gastronomia”, afirma a vice presidente da Câmara, referindo-se à presença da RTP, que vai emitir em direto de Tábua o programa “Aqui Portugal” durante a tarde de sábado, esperando-se um arranque em “beleza” desta 26ª Feira do Queijo.

 

Acerca do Autor:

. Siga nas redes sociais Twitter / Facebook.