Marcelo fez o apelo e PCP foi o primeiro grupo parlamentar a “enviar” deputada ao terreno

deputada PCP

Ana Mesquita foi a primeira deputada a visitar Oliveira do Hospital depois da tragédia.

A deputada do PCP, Ana Mesquita, visitou algumas das empresas afetadas pelos trágicos incêndios do passado dia 15, no concelho de Oliveira do Hospital, tendo sido a primeira parlamentar a responder ao desafio do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, que numa visita às áreas afetadas, apelou à deslocação dos deputados da nação ao terreno.

Na zona industrial oliveirense, Ana Mesquita contactou com alguns dos empresários atingidos pelo fogo, ficando também ela como uma noção da realidade de um concelho onde estão já sinalizadas 85 empresas atingidas, colocando em risco cerca de 450 postos de trabalho.

Perante o cenário de destruição que veio encontrar, a deputada comunista reconheceu a necessidade de uma “resposta rápida às populações afetadas”, nomeadamente a chegada de “medidas concretas” ao concelho, sob pena de as “pessoas irem embora daqui” se não virem garantidos, num curto prazo de tempo, os seus “empregos e o seu sustento”.

Considerando que é preciso reverter as políticas de sucessivos governos que levaram ao “empobrecimento do interior”, Ana Mesquita prometeu levar o drama vivido por estas pessoas à Assembleia da República, consciente de que é preciso “respostas de fundo” para a maior tragédia de que há memória na região.

Ainda inconsolável depois da tragédia que atingiu as instalações da Carpintaria Brito na ZI de Oliveira do Hospital, o proprietário Fernando Brito abriu as portas do que resta da sua empresa, apelando também ele à rapidez dos apoios, pois sem eles “não nos conseguimos erguer”, fez notar. Depois de ter visto uma vida de 40 e tal anos de trabalho destruída “de um instante para o outro”, aos 74 anos, Fernando Brito não desiste de continuar o negócio, “com os mesmos trabalhadores ou mais”, se as ajudas chegarem.

 

Acerca do Autor:

. Siga nas redes sociais Twitter / Facebook.