Município de Oliveira do Hospital reforça rede de ilhas ecológicas

Ecoponto Loteamento da Quinta do Margarido

Encontram-se já em funcionamento as 16 novas ilhas ecológicas instaladas nas principais zonas habitacionais da cidade de Oliveira do Hospital e em várias freguesias do concelho.

Este investimento, financiado pela União Europeia, através do Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR), ascende a cerca de 431 mil euros, e constitui mais um importante passo para aumentar a eficiência no processo de recolha seletiva de resíduos sólidos urbanos.

A maior parte das ilhas ecológicas são compostas por “kits” de quatro contentores, dado que aos ecopontos subterrâneos para resíduos sólidos urbanos (RSU) valorizáveis se junta mais um para RSU indiferenciados.

O sistema de ilhas ecológicas traz várias vantagens para os cidadãos e para o ambiente, tendo em conta que são equipamentos mais higiénicos e impedem a libertação de odores.

Também são mais funcionais, uma vez que permitem uma recolha segura e cómoda dos resíduos urbanos seletivos e indiferenciados.

Ainda no âmbito das políticas de reciclagem, o Município de Oliveira do Hospital vai também proceder, durante o ano em curso, à instalação de mais 63 ecopontos de superfície, num investimento de cerca de 90 mil euros.

“Com este projeto, pretende-se aumentar a deposição seletiva de resíduos, com vista à sua crescente reciclagem e valorização, promovendo assim o cumprimento das metas de reciclagem de resíduos urbanos impostas pela União Europeia”, refere o Presidente do Município de Oliveira do Hospital, sublinhando que este é um trabalho que vai continuar para proporcionar um melhor serviço aos munícipes, criando-se um melhor ambiente urbano com a instalação de mais equipamentos de nova geração, e o alargamento do raio de instalação.

 

Acerca do Autor:

. Siga nas redes sociais Twitter / Facebook.