Município promove manutenção e recuperação da Ribeira de Tábua

A Câmara Municipal de Tábua acaba de ver aprovada uma candidatura ao Programa de Desenvolvimento Rural (ProDeR), para a manutenção e recuperação da Galeria Ripícola da Ribeira de Tábua, prevendo um investimento total financiado na ordem dos 12 mil euros. As intervenções preconizadas nesta candidatura preveem operações de limpeza nas margens da Ribeira de Tábua numa extensão de quatro quilómetros, abrangendo uma faixa de terreno de 10 metros de largura para cada lado da linha que limita o leito das águas, o que tudo somado dá uma área de intervenção de mais de sete hectares, localizados nas Freguesias de Ázere e Tábua.

Com estas ações, o Município de Tábua pretende assegurar a preservação e salvaguarda dos recursos naturais, nomeadamente a fauna e a flora do meio fluvial, valorizando ao mesmo tempo os espaços florestais envolventes às linhas de água. Estas intervenções consistem na desmatação seletiva, eliminação de espécies exóticas como o eucalipto, o controlo e erradicação de espécies invasoras, a remoção seletiva de material vegetal (árvores, ramos), podas e desramações.

Uma operação que segundo, Ricardo Cruz, vereador do ambiente da Câmara Municipal de Tábua, tem como objetivo alindar o único curso de água que atravessa a vila, e valorizá-lo enquanto recurso natural e ambiental. “Esta é uma ribeira que convive diretamente com os tabuenses, e é, por assim dizer, um espaço urbano que queríamos ver recuperado”, adianta o autarca, deixando a garantia de estar atento a novas candidaturas neste âmbito, no sentido de avançar com a intervenção na ribeira em toda a sua extensão. Seja como for, “esta é já uma área considerável que vai ficar com outro aspeto” considera, esperando até ao final do ano ter os trabalhos de limpeza concluídos. “É uma forma de tornarmos também a vila mais bonita sem ser através dos recursos próprios da autarquia”, refere Ricardo Cruz que, além da candidatura para a valorização deste espaço, prevê lançar no próximo ano outras ações de promoção ambiental, nomeadamente na área da recolha dos resíduos sólidos urbanos, onde “já começámos a colocar mupies de sensibilização para a reciclagem”.

 

Acerca do Autor:

. Siga nas redes sociais Twitter / Facebook.