Oliveira do Hospital mantém-se sem casos positivos de Covid 19, mas com várias pessoas regressadas de zonas de contágio em quarentena obrigatória

coronavirus

O concelho de Oliveira do Hospital mantém-se sem casos positivos de covid 19, tendo subido para 17 o número de pessoas em isolamento profilático nos seus domicílios.

Apenas dois são motivo de atenção redobrada, uma vez que apresentam sintomas ligeiros de infeção pelo novo coronavirus, embora para já sem febre, encontrando-se a ser vigiados pelas autoridades de saúde locais.

Em quarentena forçada estão já várias pessoas que têm regressado nos últimos dias de zonas de contágio, quer em Portugal e do estrangeiro.

O Folha do Centro sabe de pelo menos dois casos, um em Alvoco das Várzeas, de dois homens que regressaram esta semana de França, onde se encontravam a trabalhar e que foram obrigados a isolamento durante os próximos 14 dias. E ainda de uns ingleses residentes no concelho que trouxeram familiares para a região.

O presidente da Câmara de Oliveira do Hospital, José Carlos Alexandrino, garante que estas situações estão todas as ser monitorizadas pela equipa do Covid 19 que está acompanhar o surto epidemiológico no concelho oliveirense, e apela à consciência destas pessoas no sentido de obedecerem aquilo que são as indicações das autoridades sanitárias neste momento.

“Estamos a seguir essas situações com rigor, as Juntas de Freguesias e a GNR estão a vigiar essas pessoas, porque hoje já tivemos dois casos de pessoas que vieram de zonas de contágio que desobedeceram à ordem para ficar em casa e em que foi preciso intervir”, refere o autarca que já esta manhã em articulação com a autoridade municipal de saúde pública, anunciou que vai exigir que todos os cidadãos que não residem habitualmente no concelho, e que regressaram ou regressarão com proveniência do estrangeiro ou de zonas de contágio comunitário do país, permaneçam em isolamento profilático durante 14 dias a contar da sua chegada. Isto tendo em conta sobretudo o período critico que se aproxima, com a vinda de milhares de pessoas oriundas de várias zonas do país e estrangeiro para passarem a Páscoa no concelho.

 

Acerca do Autor:

. Siga nas redes sociais Twitter / Facebook.