Município assinala centenário do nascimento de Pina Martins

Nota de Imprensa - Pina Martins

Ilustre intelectual oliveirense já falecido, colecionou uma das mais raras bibliotecas do mundo.

O Município de Oliveira do Hospital assinala a partir deste mês e até ao final deste ano, o centenário do nascimento de José Vitorino de Pina Martins, um dos mais consagrados bibliófilos da atualidade, nascido em Penalva de Alva, a quem doou um vasto espólio bibliográfico que deu origem à criação da Biblioteca local.

Com uma vida pautada pelo mais erudito e elevado amor ao livro, Pina Martins faleceu em 2010, sendo detentor uma das mais importantes e raras bibliotecas particulares do mundo.

José Pina Martins frequentou o Colégio Brás Garcia de Mascarenhas até partir para iniciar os seus estudos académicos em Coimbra onde se licenciou em Filologia Românica pela Faculdade de Letras em 1947, tendo-se doutorado mais tarde em Paris, em 1974, cidade onde dirigiu o Centro Cultural da Fundação Calouste Gulbenkian. Foi Presidente da Academia das Ciências de Lisboa, em vários mandatos, e membro de várias agremiações estrangeiras.

Foi ainda leitor de Língua e Literatura Portuguesa entre 1948 e 1955, na Universidade de Roma «La Sapienza». Em Itália, Pina Martins iniciou-se nas grandes questões da História do Livro e começou a formar a sua biblioteca recheada de preciosidades. Na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa  regeu as cadeiras de História da Cultura Moderna, de História da Cultura Clássica, de História da Literatura Portuguesa II e de Literatura Italiana. Em 1965, anunciou o descobrimento do primeiro incunábulo português, o Tratado de Confisson, impresso em Chaves, em Agosto de 1489. Recebeu em 1963 a Medalha de Mérito Cultural de Ouro, concedida pelo governo italiano, pelos seus estudos sobre o cabalista Pico della Mirandola.

Foi diretor do Serviço de Educação da FundaçãoCalouste Gulbenkian e professor catedrático jubilado da Universidade de Lisboa, a partir de 1990. Apresentou comunicações em numerosos congressos em Universidades da Europa e da América e em encontros internacionais que tiveram lugar em Portugal, Espanha, França, Inglaterra, Itália, Alemanha, Bélgica, Holanda, Suíça, Polônia, Hungria, Canadá, EUA, México e Brasil.

Em 2008, recebeu o Prémio Pedro Hispano.

José Vitorino de Pina Martins, profundo estudioso da História do Livro e do Humanismo renascentista, deu um importante contributo para o fazer da história do livro num dos períodos mais marcantes da história do pensamento humano, graças à sua dedicação ao estudo dos itinerários do livro e da escrita pela Europa do Renascimento e até aos nossos dias.

Tendo nascido a 18 de janeiro de 1920, celebra-se este ano o centenário do seu nascimento (faleceu a 28 de abril de 2010). O Município de Oliveira do Hospital em parceria com a União das Freguesias de Penalva de Alva e São Sebastião da Feira, o Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital e a Eptoliva, Escola Profissional de Oliveira do Hospital, vão assinalar a efeméride com um conjunto de iniciativas que vão permitir recordar, bem como dar a conhecer aos mais jovens, a ilustre figura oliveirense que se destacou no panorama nacional e internacional.

O início das comemorações foi assinalado no dia do nascimento do Prof. Pina Martins com a colocação de um mupi em frente à Biblioteca Municipal, que aí se manterá até ao final do ano.

 

 

Acerca do Autor:

. Siga nas redes sociais Twitter / Facebook.