PS pondera corte de estrada em protesto contra a não inclusão dos IC’s nas obras prioritárias do Governo

Folha do Centro - PS pondera corte de estrada em protesto contra a não inclusão dos IC’s nas obras prioritárias do Governo

Partido Socialista de Oliveira do Hospital junta-se ao presidente da Câmara na reivindicação dos itinerários da Serra da Estrela.

O Partido Socialista de Oliveira do Hospital promete não se “calar”, nem tão pouco se “resignar” com as conclusões do estudo de uma comissão nomeada pelo Governo para avaliar as obras consideradas prioritárias no próximo quadro comunitário, e que deixam mais uma vez de fora os três itinerários complementares de ligação a esta região: IC6, IC7 e IC37.

Numa conferência de imprensa onde marcou presença o executivo camarário “em peso”, Carlos Maia, o presidente da Comissão Politica Concelhia do PS, apelou mesmo à mobilização dos oliveirenses numa eventual manifestação que venha a ser feita em protesto contra o esquecimento daquelas rodovias no novo plano de investimentos do Governo. “Não nos iremos calar e iremos desenvolver as formas de luta que forem necessárias desenvolver”, deixou claro, julgando também que as populações da Beira Serra devem “estar disponíveis para todas as formas de luta”.

“Um corte de estrada não está fora de causa, estamos disponíveis para isso e seguramente é isso que vamos fazer se o Governo não nos ouvir”, assegurou Maia, pedindo ainda a solidariedade de outras forças políticas do concelho para que “falemos todos a uma só voz”. “Nós entendemos que este é um problema que existe há longos anos, é uma luta travada há muito tempo, inclusivamente por anteriores executivos que sempre entenderam que os IC’s eram fundamentais para o desenvolvimento desta região, e como tal não nos vamos resignar com um IC6 que acaba no meio de um pinhal”, referiu o líder local do PS, lembrando que se o relatório se baseia em investimentos de valor acrescentado, ora “nós podemos mostrar que há valor acrescentado nestes investimentos”. (leia mais na edição impressa)

 

Acerca do Autor:

. Siga nas redes sociais Twitter / Facebook.