“Salvar os Oceanos”

No âmbito das sessões do Parlamento dos Jovens, e subordinados ao tema Alterações Climáticas – Salvar os Oceanos, 30 jovens deputados do ensino básico do AEOH, no dia 25 de janeiro, durante a Sessão Escolar, tiveram oportunidade de debater as medidas que elaboraram e gostavam de ver implementadas para que a poluição dos oceanos diminuísse.

Os Oceanos são diariamente poluídos por esgotos, produtos químicos, resíduos tóxicos, vazamentos de petróleo e, principalmente, por lixo plástico. Atualmente, por ano, aproximadamente 8,8 milhões de toneladas de lixo plástico têm como destino os Oceanos.

Este lixo constitui uma ameaça para o nosso planeta e para inúmeras espécies animais que nele habitam, mas representa, também, um risco para a saúde humana. A contaminação por detritos plásticos não só constitui uma armadilha para muitos animais, como, ao serem consumidos por estes, têm consequências gravíssimas para a sua sobrevivência e entram na cadeia alimentar, acabando nas mesas dos consumidores.

Apenas 9% do plástico é reciclado, com o agravamento de que grande parte não é biodegradável e, por norma, leva mais de 400 anos a degradar-se.

FAÇAMOS A DIFERENÇA

A enorme quantidade de plástico que usamos no nosso dia-a-dia deve levar a uma reflexão sobre os nossos hábitos de consumo.

Urge a necessidade de reciclarmos, não só o plástico, mas todo tipo de resíduos recicláveis.

Temos de nos questionar sobre como as nossas atitudes estão a contribuir, ou não, para a poluição dos nossos oceanos.

Mais informação e educação ambiental são cruciais para a tomada de consciência de todos.

 

Clube Europeu do AEOH

 

Acerca do Autor:

. Siga nas redes sociais Twitter / Facebook.