Sampaense termina ano a vencer

Folha do Centro - Sampaense termina ano a vencer

A equipa do Sampaense terminou bem o ano comum a saborosa vitória em casa da Ovarense (77-70).

Depois de uma primeira parte marcada por dois períodos completamente antagónicos em termos de marcação pontos, o desempenho da formação de S. Paio de Gramaços durante o 3º período foi determinante para segurar o triunfo em Ovar.

Os primeiros 10 minutos foram parcos em pontos marcados, com o Sampaense a terminar na frente o período por 9-6. Nos segundos 10 minutos, ambas as equipas encontraram o caminho do cesto, especialmente os vareiros, que com 32 pontos marcados, lideravam com alguma margem ao intervalo (38-29).

O descanso fez bem aos comandados de José Calabote, que no recomeço da etapa complementar surgiram transfigurados para melhor, tanto em termos defensivos, com 8 pontos sofridos, como no ataque com 30 pontos marcados. Os visitantes não só davam a volta ao marcador (59-46), como garantiam uma almofada pontual para gerir nos últimos 10 minutos.

Mesmo sem ter dominado a luta das tabelas (20-32), e apesar das equipas terem cometido demasiados turnovers (47 no total), a boa percentagem de lançamento de três pontos por parte do Sampaense (10/16 – 63%) acabou por ajudar a fazer a diferença.

O norte-americano, Jovonni Shuler (26 pontos, 8 roubos de bola e 2 assistências), MVP do jogo com 29.5 de valorização, um lançamento de campo falhado, foi um bom exemplo dessa eficácia do Sampaense. O seu compatriota Christopher Dowe (20 pontos, 6 ressaltos, 3 assistências e 3 roubos de bola) esteve igualmente a bom nível, tal como Hélder Carvalho (16 pontos, 5 roubos de bola e 3 ressaltos), totalmente recomposto do susto da última jornada.

O espanhol Sergi Brunet (25 pontos, 4 roubos de bola e 3 ressaltos) foi o jogador em maior destaque na equipa de Ovar, seguido depois por André Pinto, autor de 12 pontos, 3 ressaltos e 3 roubos de bola).

 

Acerca do Autor:

. Siga nas redes sociais Twitter / Facebook.